terça-feira, 19 de julho de 2011

Lusito Indústria Eletrônica - Rádio Fiesta (1961)

4 comentários:

  1. Essa fábrica era do meu avô. Tinha rádios, chegou a ter um projeto de TV, mas o forte eram transformadores para a indústria eletrônica.

    ResponderExcluir
  2. Eu trabalhei para esta empresa nos anos de 1963 a 1965. Foi meu primeiro emprego e comecei enrolando secundario de transformadores, passei pela montagem dos radios a valvula e transistor e terminei no almoxarifado da fábrica de radios. Lembro bem dos meu supervisores, Osvaldo (na Eng. Cesar) e do pessoal da administração: Sr. Henrique Seabra, Caetano Mamana, D. Mariion, Casto Gomes, ...
    Desejo que estejam todos bem (onde quer que estejam)
    Carlos A Bovolenta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O fundador foi o meu avô, Agostinho Pessoa de Seabra. O Sr. Henrique era meu tio irmão da minha mãe, Marion era a esposa dele, o "tio" Caetano era cunhado dela e o Casto era irmão.
      Não tenho sabido do Casto, mas os demais faleceram.
      Tinha, também, o Cine Colonial na Conselheiro Moreira de Barros. Tinha a parte da fábrica na Dr. César, atrás do cinema.

      Excluir
  3. Eu trabalhei para esta empresa nos anos de 1963 a 1965. Foi meu primeiro emprego e comecei enrolando secundario de transformadores, passei pela montagem dos radios a valvula e transistor e terminei no almoxarifado da fábrica de radios. Lembro bem dos meus supervisores, Osvaldo (na Eng. Cesar) e do pessoal da administração (na Moreira de Barros): Sr. Henrique Seabra, Caetano Mammana, D. Marion, Casto Gomes, ... das muitas meninas (tinha muito mais mulheres do que homens trabalhando nas fábricas)
    Desejo que estejam todos bem (onde quer que estejam)
    Carlos A Bovolenta

    ResponderExcluir